“Um museu de motos com restaurante ou um restaurante com museu de motos em Foz do Iguaçu?”. Pode até parecer um trocadilho, mas as duas alternativas estão corretas.

O Dreams Motor Show, um dos sete atrativos do Complexo Dreams Park Show em Foz do Iguaçu, é o primeiro museu de motos clássicas e customizadas das marcas americanas Harley-Davidson e Indian, com lounges, mesas e sofás para apreciar uma boa gastronomia também americana, enquanto ouve um bom rock como música de fundo.

Quer saber mais sobre o Dreams Motor Show? Então, leia também:

Conheça mais sobre o Museu de Motos em Foz do Iguaçu

Tudo começa logo depois de passar pelas catracas. O visitante fica na dúvida se está no Brasil ou nos Estados Unidos, já que são mais de 2,3 mil metros quadrados de muitas emoções. Há motos penduradas até no teto!

No bar principal, tem o palco para shows e dois bares de apoio. Ao todo são três andares de muitas descobertas.

É possível curtir um show, comemorar aniversário, ter um jantar romântico ou apenas reunir os amigos.

Mas, se a ideia é só curtir um pôr do sol e saborear um chope gelado, também é possível. Há um bar na área externa de livre acesso aos visitantes, sobretudo para happy-hour.

O primeiro museu de motos Harley de Foz!

Museu de Motos, Harleys, Harley-Davidsons, Dreams Motor Show, Dreams Park Show.

Entre as Harleys estão as Electra Glide, idealizadas para o turismo há mais de 50 anos. Ela foi a primeira moto da marca a contar com partida elétrica e injeção eletrônica.

Há também as Fat Boy. Lançado em 1990, é um dos modelos mais populares e polêmicos da marca americana. A moto tem um estilo característico, com rodas fechadas, e um motor de 1,8 litro.

Os protótipos construídos em 1988 e 1989, assim como o modelo final, aproveitavam o clássico chassi da Harley Softail, que parecia um “rabo-duro” (sem suspensão traseira), mas trazia molas e amortecedores ocultos, remetendo ao visual clássico das motos dos anos 20 e 30.

Falando em Softail, essa que é uma das linhas mais icônicas da marca também tem seu espaço no Dreams Motor Show. E se o assunto é história do motociclismo, há também uma coleção de proto-mobiletes, a primeira “moto” desenvolvida por William S. Harley e seu amigo de infância Arthur Davidson, em 1901. De lá para cá, os amigos vêm fazendo história e ganhando cada vez mais adeptos ao estilo de vida Harley-Davidson.

Também tem espaço para Indian Motorcylcles

No Museu há também modelos de Indian. Uma delas está bem no centro do Dreams Motor Show: a Indian Chief Classic.

Museu de Motos em Foz, Indian, Indian Chief Classic, Dreams Motor Show, Dreams Park Show.

Embora seja do ano 2016, é representante fiel do estilo retrô. Ela tem um visual clássico, inspirado em modelos dos anos 1940, marcada pelos seus suntuosos para-lamas e um belo motor V2. Ela é enorme e chama a atenção de quem visita o espaço, tem 2,63 metros de comprimento e 341 quilos.

O que mais impressiona é o porte, ressaltando o parrudo tanque. Afinal, ela foi lançada para concorrer diretamente com a Harley Fat Boy.

Apesar de fundada há mais de 100 anos, a Indian se instalou recentemente no Brasil e ainda é pouco conhecida pelos brasileiros, se quando comparada com a tradicional marca dos amigos Harley e Davidson.

Gastronomia

Hambúrgueres Artesanais, Dreams Motor Show Café, Museu de Motos, Dreamas Park Show.

No cardápio inspirado na culinária americana, se encontram desde petiscos perfeitos para happy-hour até hambúrgueres artesanais, doces e salgados.

Contudo, um dos petiscos mais adorados do cardápio do Dreams Motor Show são os anéis de cebola. Eles encantam somente de olhar.

E o sabor? Os turistas se questionam se são mesmo cebolas empanadas. O diferencial começa pela forma como as cebolas são cortadas, em grandes anéis. Uma verdadeira obra de arte.

Shows

Margnun Rock Machine tocando no Museu de Motos, Dreams Motor Show do complexo Dreams Park Show.

No palco principal, todos os dias tem música ao vivo e, em ocasiões especiais, shows com diversas bandas regionais. A maioria delas já se apresentaram em grandes espetáculos.

Quando não tem música ao vivo, há um repertório exclusivo de bons clássicos do rock’n’roll. Quando se está no Dreams Motor Show, o visitante se esquece do mundo.

Fotos e mimos

Depois de curtir uma boa música, provar um petisco dos deuses e viajar pela história do motociclismo estradeiro, o visitante pode tirar fotos com as motos e ainda levar para casa mimos para toda a família.

Logo na saía há uma lojinha de souvenirs.

Horário

O Dreams Motor Show funciona de quarta a segunda-feira, das 9h às 18 horas, e está atendendo a todos os protocolos de segurança contra a transmissão da Covid-19.

Gostou de saber um pouco mais sobre o complexo do Dreams Motor Show? Escolha um dia para nos fazer uma visita clicando aqui.